Doença de lyme.

Julho 7, 2016

Doença de lyme.

 

O agente infeccioso Borrelia burgdoferi que se transmite por carraças do género Ixodes e dá lugar a enfermidade multissistémica que causa a febre recorrente, manifestações dermatológicas (eritrema crónico migrans), reumáticas, (artrites) neurológica, (meningites, encefalites e radiculites) e cardíacas (miocardites e pericardites)

 

Sintomas

  • Estádio 1 doença localizada, localiza-se na pele 3-32 dias surge um edema
  • Alguns dias depois a bactéria pode propagar-se por via sanguínea por muitos locais (estádio 2 da infecção dessiminada)
  • Meses depois do início da infecção chamada infecção tardia, surge o estádio 3 ou a fase persistente.

 

Diagnóstico

Cultura da espirroqueta em meio de Kelli modificado, cloração com prata ou imunoflorescência directa da amostra clínica (pel, tecido sinovial, baço, medula óssea).

Pesquisa de anticorpos pelas técnicas de imunoflurescência directa ou ELISA.

Tratamento

Precoce               Doxiciclina ou Amoxiciclina x 10-20 dias

Cardíaca               Benzilpenicilina x 10-14 dias

Neurológica         Ceftriaxona x 21 dias

Articular               Ceftriaxona x 21 dias

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Projecto Omega © 2016