GLOSSÁRIO PARTE 2

Janeiro 8, 2016

Glossário (continuação) PARTE2

Arritmia respiratória: aceleração dos batimentos do coração durante inspiração e diminuição durante a respiração. Arteriosclerose: perda de elasticidade das artérias devido ao endurecimento das suas paredes

Arterite: nome dado a todas as inflamações das articulações, agudas e crónicas que podem ser: -do climatério que aparece na mulher obesa durante o climatério.

-psoriásica: arterite acompanhada de psoríase – reumatóide: doença crónica das articulações, com tendência para atacar varias articulações.

Asfixia: perda de sentidos devida a falta de oxigénio e excesso de anidrido carbónico no sangue. -asfixia azul asfixia do recém-nascido, Branca forma de síncope do recém-nascido.

-asfixia do recém-nascido: estado de morte aparente do recém-nascido.

Astigmatismo: defeito da visão do olho, que se manifesta na falta de convergência num único ponto da retina dos raios provenientes de um ponto determinado. Ataxia: descoordenação dos movimentos voluntários.

Atelectasia pulmonar: alteração por amassamento dos alvéolos de uma área do pulmão devido à perda de ar que contem, que geralmente dá-se por obstrução de um brônquio.

Aterosclerose: termo que designa esclerose arterial, que foi proposto Marchand em 1904.

Autossómico: referente a cromossoma

Beta tromboglobulina plasmatica : é, como o fator piaquetario4 (PF4), una proteína de origem plaquetaria dotada de atividade anti-eparinica e anti-prostaciclinica parece  dotada de actividade trombogenica.

Beribéri: carência de vitamina B¹.

Blefarite: inflamação da borda das pálpebras.

Blenorragia: doença sexualmente transmissível produzida pela bactéria gonococo.

Bócio: aumento do tamanho da glândula tiróide. – exoftálmico; quando acompanhado de olhos salientes, pulso rápido e tremor das mãos.

Botulismo: intoxicação alimentar produzida pela toxina da bactéria Clostridium botulinum.

Bradicardia contracções lentas do coração, com pulso inferior a 60/ minuto.

Bronquiectasia: enfermidade que se caracteriza por dilatação anormal dos brônquios.

Cardiopatia: enfermidades relacionadas com o coração.

Carbohidratos: substâncias da química orgânica, formadas por carbono, hidrogénios e oxigénio (açúcares, amidos, celulose e certas gomas)

Celulite: inflamação do tecido celular que pode ser purulenta ou não do tecido celular lasso que se encontra debaixo da pele.

Cerume: cera do ouvido produzido pelas glândulas do conduto externo do ouvido de cor castanho-escuro.

Choque traumático: depressão acentuada das funções do organismo que pode ser causado por um traumatismo.

Cianose: cor azulada da pele que se deve a insuficiente oxigenação do sangue.

Cicatriz quelóidea: cicatrizes salientes e endurecidas,

Colina: substância lipotrópica que regula a quantidade de gordura do fígado e que forma parte do complexo vitamínico B.

Colite inflamação ou irritação do cólon ou intestino grosso. Que podem ser: muco membranosa, (formada por mucosidade) ulcerosa, (caracterizada pela presença de ulcerações na mucosa do intestino grosso) e simples (por diversas causas). Colostro: liquido segregado em pequenas quantidades pelas glândulas mamárias durante a gravidez e em maior quantidade depois do parto.

Coma: perda de sentidos, da sensibilidade e dos movimentos, conservando-se a circulação e a respiração.

Concomitante: que acompanha uma doença.

Comoção cerebral: pequenas lesões do cérebro produzidas por um traumatismo do crânio.

Contusão: lesão causada por violência exterior sem produzir ferimentos da pele; – cerebral: grandes lesões da substância cerebral ocasionadas por um traumatismo do crânio.

Coramina substância estimulante da circulação e respiração. (niketamida, cardiotrat)

Coriza: enfermidade aguda contagiosa que ataca a mucosa do nariz causada por um vírus.

Corticóides: palavra usada para designar esteróides que se isolam dos extracto do córtex adrenal.

Corticosteróides: palavra que designa esteróides dois extractos do córtex adrenal.

Crepitação: som produzido pelo atrito dos fragmentos de um osso fracturado (crepitação óssea), Ao comprimir coágulos de hematoma (crepitação sanguínea). Criptas: cavidades ocas que se formam em vários órgãos. – das amígdalas; que podem conter bactérias pus e células descamadas.

Grupe: difeteria da laringe.

Curetagem: uso da cureta sobre algum órgão (raspagem uterina)

Daltonismo: incapacidade de ver certas cores, especialmente o vermelho. Dermatite esfoliativa: infecção que produz avermelhamento da pele e descamação abundante. Pode chamar-se também eritrodermite descamativa.

Disfagia: dificuldade para deglutir, engolir saliva e alimentos

Desmaio: ver lipotímia

Disartria: dificuldade na articulação das palavras

Diátese: predisposições de certas pessoas apresentarem durante a sua vida certas doenças que apresentando aspecto diferente têm a mesma natureza como: exsudativa: tendências de certas crianças apresentarem eczema, irritação da pele e das mucosas, transtornos digestivos e brômquicos rebeldes. Neuropáticas, certas crianças apresentam nervosismo, insónia, inquietação e choro. (estas crianças têm tendência para vómitos cólicas intestinais e diarreias)

Disenteria: Infecção intestinal caracterizada por defecações frequentes e pequenas, que contêm mucosidade e sangue, e, podem ser produzidas por amebas, bactérias, vírus e alguns protozoários.

Dismenorréia: menstruação dolorosa.

Distensão: lesão traumática de uma articulação sem deslocamento das superfícies articulares. Manifestando lesões de ligamentos das articulações.

Distonia neurovegetativa: falta de equilíbrio normal entre os dois componentes do sistema nervoso autónomo (simpático e parassimpático) que pode trazer sintomas anormais de diversas parte do corpo.

Distrofia transtornos da nutrição, como na criança pequena alteração do peso e desenvolvimento, sem enfermidade manifesta.

Distrofias muscular: infecções dos músculos sem lesões do sistema nervoso, caracterizadas por enfraquecimento progressivo dos músculos e atrofia dos mesmos.

Diverticulite: inflamação de um divertículo principalmente no intestino grosso.

Edema: inchasse habitualmente mole de alguma região do corpo por acumulação de liquido nos tecidos.

Edema agudo do pulmão: doença grave que se caracteriza por transudação brusca de serosidade do sangue nos alvéolos.

Edema angioneurótico: (equivalente à urticária), inchasse brusco de alguma parte do corpo.

Edema inflamatório: a causa é uma infecção.

Edema maligno: quando há carbúnculo.

Elefanttíase: edema duro, e crónico da pele e tecido celular, manifestado por aumento considerável do tamanho de um membro ou de outra parte do corpo. Electrocardiograma: registo gráfico, das fracas correntes eléctricas produzidas pelas contracções do coração.

Embolia: obstrução de um vaso sanguíneo por um coágulo ou outro corpo trazido pelo sangue.

Enantema: erupção das mucosas.

Encefalite: infecção do cérebro.

Encefalite letárgica: doença a vírus que produz letargia (sono profundo e contínuo)

Endocárdio: membrana fina que reveste o interior do coração.

Endocardite: inflamação do endocárdio

Endócrino: relativo às secreções internas.

Endometroma: tumor benigno do útero.

Enfarte: modificações num tecido por obstrução de uma artéria.

Enfarte do miocárdio: doença grave, causada pela obstrução de uma artéria coronária, ou de suas ramificações, que priva parte do miocárdio (músculo cardíaco) do sangue arterial do que necessita.

Enfisema pulmonar: doença crónica que se manifesta pela dilatação permanente dos alvéolos pulmonares

Enterocolite: inflamação do intestino delgado e do cólon

Enzima: substância de origem animal ou vegetal, que actua sobre outras substâncias sem sofrer alteração, desdobrando-as ou modificando-as na forma química

Epidimo: órgão com a forma de um ovo que se encontra por cima e por trás dos testículos.

Epigástrio: parte superior e média do abdómen (boca do estômago)

Epistaxe: hemorragia nasal.

Eritema: avermelhamento da pele ocasionada pela congestão dos capilares da mesma.

Eritematose: lesões da pele, mucosas ou órgãos, que apresentam uma cor vermelha.

Erupção: manifestações da pela de algumas doenças, apresentando manchas avermelhadas com alguma saliência

Esclerodermia: doença da pele caracterizada por espessamento e endurecimento de algumas regiões da pele.

Esclerose: endurecimento de órgãos ou tecidos, provocado por uma inflamação anterior ou doença degenerativa.

Esclerose lateral amiotrófica: doença do sistema nervoso devido a uma degeneração da face piramidal.

Fasciculações: movimentos involuntários visíveis em repouso

Fistula: trajecto anormal que comunica com uma cavidade natural, que deita pus ou secreção normal, desviada do seu trajecto normal.

Fissura: fenda superficial muito dolorosa.

Flatulência: excesso de gases

Flebite: inflamação de uma veia no seu revestimento interno

Flictenas: bolhas grandes (geralmente com liquido)

Foliculite: inflamação de um ou vários folículos (afundamentos da epiderme) que rodeiam o cabelo

Gangrena: morte de alguma parte do corpo durante a vida do paciente

Gereatria: ciência que estuda as doenças humanas na idade avançada

Gerentologia: estudo cientifico da velhice

Glaucoma: aumento da tensão do olho

Glucidos: nome genérico da química orgânica, aplicado aos açúcares, amidos e outros hidratos de carbono e aos glicosidos.

Gota: inflamação das articulações por excesso de ácido úrico que não e eliminado pelo organismo manifestando ataques de dor..

Gravidez ectópica: a que se processa fora do útero.

Hematemese: vómito de sangue que vem do estômago ou duodeno

Hematoma: inchaço formado por sangue derramado nos tecidos de cor azulada.

Hemocultura: cultura em meios especiais do sangue de um paciente, com a finalidade de isolar uma bactéria para diagnostico diferencial.

Hemolise: libertação de hemoglobina dos glóbulos vermelhos do sangue.

Hidratos de carbono: o mesmo que carbohidratos.

Hemopetise: expulsão de sangue do pulmão ou vias respiratórias

Hepatite; inflamação do fígado.

Herpes : lesão da pele provocada por um vírus e que se caracteriza pela aparição de pequenas bolhas.

Herpes-Zoster: infecção muito dolorosa, que se caracteriza pelo aparecimento de placas vermelhas com bolhas, no trajecto de um nervo.

Hipermetropia: defeito do olho em que os raios paralelos tem o seu foco atrás da retina.

Hipocondrio: parte superior e lateral do abdómen

Hipotálamo: certos núcleos cinzentos da base do cérebro

Hipotermia: redução da temperatura do corpo ou uma parte dele abaixo do normal

Hipotiroidismo: insuficiência funcional da glândula tiróide.

Histamina: substância que dilata ( vasodilatador) os vasos sanguíneos e que aumenta o ácido clorídrico do estômago. (possível causador de alergias)

Hormonas: substâncias principalmente de secreção interna das glândulas, que são lançadas no sangue e têm efeito sobre o funcionamento de outros órgãos. Incipiente: que começa (no inicio)

Ictiose: doença da pele que apresenta aspereza, secura e descamação da pele.

Impetigo: doença da pele, que apresenta bolhas com pus e crostas.

Intersticial: situado nos interstícios dos tecidos (intervalos pequenos)

Invasivo: agressivo que invade

Leucoplasia: infecção crónica das mucosas com aparição de placas brancas

Linfagite: inflamação dos vasos linfáticos

Meato: orifício de um conduto como a desembocadura dos ureteres na bexiga ou orifício externo da uretra

Mediastino: espaço do tórax limitado em ambos os lados pelos pulmões, à frente pelo externo, e, a trás pela a coluna vertebral

Melena: fezes pretas causadas por hemorragia no tubo digestivo.

Menopausa: desaparecimento da menstruação durante a fase do climatério.

Metabolismo: transformações que sofrem as substâncias que chegam ao organismo para suprir as suas necessidades.

Mesênquimas

Tecido conjuntivo do embrião, a partir do qual se formam os vasos sanguíneos e linfáticos, os músculos, as cartilagens e o esqueleto.

Metabolismo básico: calor mínimo produzido pelo organismo em jejum e em repouso.

Metrorragia: expulsão do sangue do útero fora do período menstrual. -menstruação excessiva:

Miastenia grave: Infecção dos músculos, caracterizada pelo rápido cansaço dos mesmos com tendência para paralisia (principalmente os músculos da face e pescoço)

Micção: acto de urinar

Micose: doenças causadas por fungos.

Mieloma: tumor com células semelhantes ás da medula óssea.

Microcefalia: tamanho da cabeça muito pequena que causa transtornos mentais.

Necrose: perda de vitalidade de um tecido (morte) por falta de irrigação sanguínea

Nefrite: termo genérico para infecções renais.

Nefrose: degeneração dos túbulos renais acompanhada de albuminúria e edema.

Neurite: inflamação aguda ou crónica de um nervo

Neurose: transtornos nervosos que produzem sintomas mentais e por vezes físicos em que está conservada a personalidade (também chamada psíconeurose)

Nevralgia: dor no trajecto de um nervo, sem lesão no sistema nervoso.

Ninfomania: Apetite sexual exagerado na mulher.

Oftalmia purulenta: Infecção grave da conjuntiva do olho causada pelo gonococo – conjuntivite purulenta.

Oligofrenia: insuficiência no desenvolvimento mental.

Orquite: inflamação do testículo

Osteoartrite: forma de reumatismo crónico.

Osteomalácia: doença da mulher adulta, que tem uma alimentação pobre em cálcio e vitamina D. Tem influência a gravidez frequente, amamentações prolongadas e falta de banhos de sol aio ar livre.

Osteomielite: infecção do osso e da sua medula, pelo Esfalococos áureos e Estreptococos

Osteoporose: formação de cavidades anormais num osso ou rarefacção do osso com diminuição do cálcio.

Ozena: enfermidade das fossas nasais, acompanhada de secreção e crostas fétidas com atrofia da mucosa

Panarício: infecção aguda dos dedos.

Paraplegia: paralisia dos dois membros inferiores;– paralisia dos membros superiores; – paralisia dos quatro membros.

Parassimpático: parte do sistema nervoso autónomo, que tem uma acção oposta ao do simpático.

Parestesia: modificações na sensibilidade da pele como, leve anestesia, formigamento, ardor e outras sensações.

Pericárdio: membrana que rodeia o coração.

Perigastrite: inflamação do peritónio que rodeia o estômago

Periorbitário: que se localiza em volta da órbita.

Peritonite: infecção do peritónio aguda ou crónica

Piã: enfermidade contagiosa não venérea e parecida com a sífilis.

Pirose: sensação de queimadura que se estende do estômago à faringe

Pólipo: crescimento liso, provido de um pedículo que o une à mucosa que lhe deu origem.

Precordial: situado diante do coração

Priapismo: erecção dolorosa e persistente, habitualmente não acompanhada de desejo sexual

Prodromos: sintomas ou estado que anuncia a aproximação do começo de uma doença

Profilaxia: prevenção das enfermidades.

Progesterona: hormona produzido pelo corpo amarelo do ovário.

Prurido: comichão da pele ou mucosas.

Psoríase: infecção da pele caracterizada de placas arredondadas coberta de escamas brilhantes.

Petose: deslocamento de um órgão para baixo.

Queratite: inflamação da córnea

Raquitismo: enfermidade da primeira infância por falta de vitamina D na alimentação

Redundância: comprimento e curvas excessivas.

Reflexos: acto involuntário produzido pela acção de nervos motores, sob estimulo de nervos sensitivos, que passa por um centro nervoso.

Reflexos tendinosos: que se produzem ao golpear os tendões de certos músculos.

Rinofaringe: parte superior da faringe situada atrás do nariz

Saburrosa: termo que se aplica à língua quando se reveste de uma substância branca ou amarelada

Salpingite: inflamação aguda ou crónica das trompas de Falópio

Seborreia: excessiva secreção das glândulas sebáceas da pele, ou coro cabeludo

Segunda infância: período da vida que começa com dois anos e meio de idade até à puberdade.

Senectude: idade senil começa com os 60 ou 65 anos de idade.

Senescência: envelhecimento

Serofibrinoso: seroso com fibrina

Seropurolento: seroso com pus (turvo)

Seroso: com aspecto de soro do leite

Sialorréia: salivação

Simpático: sistema nervoso autónomo que facilita a defesa do organismo.

Síndrome: conjunto de sintomas que caracterizam alguma enfermidade.

Sopro: ruído semelhante a um sopro que se ouve ao auscultar os pulmões ou o coração. –diastólico; que se ouve durante a diástole; (descanso do coração) – sistólico; (na contracção do coração).

Subinvolução do útero: redução insuficiente do tamanho do útero depois do parto

Taquicardia: pulso rápido, mais de 80 pulsações por minuto num adulto em repousou – paroxistica; taquicardia de início e terminação brusca (entre 150e 300 pulsações por minuto).

Tonicidade: elasticidade de um tecido normal.

Transtornos tróficos: os que se observam na pele e tecidos provados por lesão de nervos ou centros nervosos.

Tromboflebite: formação de um coágulo em uma veia, como consequência de uma flebite.

Uretrite: inflamação da uretra.

Vaginismo: espasmos dolorosos na vagina.

Vasoconstrição: diminuição do calibre dos vasos sanguíneos.

Vasodilatação: dilatação dos vasos sanguíneos

Vasomotor. que produz contracção ou dilatação dos vasos sanguíneos.

Vesiculite inflamação das vesículas seminais.

Virulento: com acentuada capacidade de prejudicar e danificar o organismo.

Vómitos incoercíveis: vómitos rebeldes que aparecerem durante a gravidez em certas gestantes.

Xantelasma: manchas pouco salientem de cor amarelada, que são depósitos de colesterol que se observam nas pálpebras

 

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Projecto Omega © 2018